RSS

Arquivo do autor:gerati

Google+ chega ao fim após vazamentos de dados e baixa popularidade

Entenda o que muda e quais foram os motivos do encerramento da rede social

Google+ saiu do ar oficialmente nesta terça-feira (2). Os perfis e páginas da rede social do Google foram desativados e todo o conteúdo – posts, fotos, vídeos e comentários – será apagado em alguns meses. Além da falta de adesão dos usuários à plataforma, disponível para celulares Android e iPhone (iOS), o encerramento também foi provocado por dois casos de vazamentos de dados. O primeiro ocorreu em expôs cerca de 500 mil perfis em outubro de 2018. O outro foi ainda maior e afetou mais de 50 milhões de contas.

Desde fevereiro de 2019, a empresa impediu a criação de novos perfis, páginas, comunidades ou eventos no Google+. Os usuários tiveram até o dia do encerramento para fazer o backup de fotos e vídeos, por exemplo. Apesar do prazo, quem quiser poderá acessar parcialmente alguns conteúdos, já que a exclusão completa será dentro de alguns meses. O sistema habilita enviar os arquivos para serviços de armazenamento como Google DriveDropboxOneDrive ou Box.

google-+

O que muda com o encerramento do Google+

Mesmo com o fim do prazo para salvar arquivos da sua conta no Google+, o usuário ainda pode acessar diversos conteúdos na rede social. O recurso é possível, pois o Google levará alguns meses para excluir todo o conteúdo da plataforma. Ou seja, as pessoas podem ter acesso parcial ao próprio perfil na rede social via registro de atividades.

No entanto, não será mais possível fazer login com sua conta do Google+ em sites e aplicativos. A partir desta data, os usuários precisam usar a conta do Google para acessar os serviços. Quem tem o G Suite ainda poderá usar a perfil da plataforma.

google-plus-estatiticas-perfil-influencia-3

Entenda os motivos do fim do Google+

Diversas causas foram responsáveis pelo encerramento do Google+. Uma delas pode ter sido a falta de adesão dos usuários à rede social se comparada aos concorrentes, como Facebook e Instagram. Outro fator está relacionado ao vazamento de informações privadas da plataforma. Em outubro de 2018, uma brecha de segurança no Google+ expôs informações de cerca de 500 mil perfis do serviço.

De acordo com o Google, o vazamento de dados foi provocado por um erro nas Interfaces de Programa de Aplicação (APIs). Dessa forma, 438 apps terceiros conectados à plataforma tiveram acesso a informações privadas dos perfis. Após a polêmica, a empresa anunciou o encerramento do Google+ para agosto de 2019.

O segundo caso de violação do conteúdo privado dos usuários ocorreu em dezembro de 2018. Este teve proporções bem maiores e atingiu mais de 50 milhões de contas. Dessa forma, o fim da rede social do Google foi antecipado para 2 de abril de 2019. Na época, dados como nome, e-mail, idade e profissão ficaram desprotegidos. Segundo a empresa, a causa da vulnerabilidade também diz respeito ao erro nas APIs.

Fonte: Techtudo

Curtam nossas páginas

Acessar-o-link-agora

Curta e Compartilhe

CONTATO DIRETO: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
►Para DÚVIDAS, MANUTENÇÃO, SUPORTE ou COMPRA DE PCs temos as CONSULTORIAS onde você terá suporte do próprio dono do canal pessoalmente te ajudando com tudo!
Entre em contato pelo e-mail: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em abril 4, 2019 em Noticias

 

Tags: , , , , , , , , , ,

Substituindo a cobrinha por um trem, o usuário precisa passar lugares turísticos e juntar pontos

google maps

Agora é possível reviver o famoso jogo da cobrinha dos anos 90, pois o Google está adicionando temporariamente o recurso ao Google Maps. Como de costume, no dia primeiro de abril, dia da mentira, a empresa lança uma promoção para todo o mundo. Para quem não tem o aplicativo e quiser aproveitar a brincadeira, a versão do Google Maps para web também possui o game.

Em outros anos, outras interações já foram apresentadas. Em 2018, o jogo foi inspirado em “Onde Está Wally”, já em 2014, o game envolvia personagens do Pokémon. Em quase todas as comemorações do dia da mentira, o usuário pode explorar pontos do planeta pelo celular, mas com um olhar e um objetivo diferentes dos do dia-a-dia.

Nesse ano, os usuários podem encontrar o jogo no menu do aplicativo do Google Maps. Para jogar, basta selecionar uma cidade (Cairo, São Paulo, Londres, Sydney, São Francisco, Tóquio…). Ao deslizar o dedo para mover seu trem ou ônibus, que substituem a tradicional cobrinha, é preciso pegar passageiros e pontos de referência.

Enquanto o Google se diverte com a brincadeira, ao que tudo indica, a Microsoft não deve comemorar a data esse ano.

O jogo está sendo implementado para os usuários do iOS e Android, e é melhor aproveitar logo, já que ele fica disponível até o final dessa semana.

Via: The Verge

Curtam nossas páginas

Acessar-o-link-agora

Curta e Compartilhe

CONTATO DIRETO: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
►Para DÚVIDAS, MANUTENÇÃO, SUPORTE ou COMPRA DE PCs temos as CONSULTORIAS onde você terá suporte do próprio dono do canal pessoalmente te ajudando com tudo!
Entre em contato pelo e-mail: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
 
Deixe um comentário

Publicado por em abril 1, 2019 em Noticias

 

Tags: , , , , , , ,

MP notifica Google e WhatsApp para removerem vídeos da ‘Momo’

momo

Ministério Público da Bahia acionou empresas após relatos de vídeos infantis com orientações para o suicídio

Na última semana, a boneco Momo ressurgiu no centro de uma polêmica, quando vídeos infantis passaram a ser interrompidos pela personagem com orientações para que as crianças se suicidassem. O assunto tomou proporções tão grandes que o MP-BA (Ministério Público da Bahia) notificou tanto o Google quanto o WhatsApp para que impeçam a difusão da imagem da boneca.

A notificação partiu do Nucciber (Núcleo de Combate a Crimes Cibernéticos) do MP-BA, que decidiu agir diante da repercussão que o caso tomou nos últimos dias. Em contato com o site G1, o promotor Moacir Nascimento, admitiu que, no entanto, não há casos registrados de jovens que tenham se ferido por seguirem as orientações apresentadas nos vídeos.

O Google já estava tomando algumas providências para limitar a difusão deste conteúdo. A empresa afirma que em nenhum momento a personagem Momo passou pelo filtro para exibição no YouTube Kids, alegando que pais talvez tenham se confundido com o YouTube convencional. Além disso, vídeos que utilizem a personagem Momo passaram a ser desmonetizados, reduzindo o incentivo de publicação de tal material. Agora, o YouTube também pode ter que remover esses vídeos de forma definitiva.

O caso do WhatsApp tende a ser mais complicado. O Facebook, empresa que controla o WhatsApp, já teve inúmeros problemas com a justiça por ter pouquíssimo controle sobre o que circula pelo aplicativo, já que o material é protegido por criptografia de ponta a ponta.

Não é a primeira vez que usuários relatam que o YouTube Kids exibiu conteúdo inadequado para crianças e é mais um lembrete de que sistemas de recomendação na internet são bastante problemáticos e podem ser usados para espalhar teorias conspiratórias e desinformação em geral. Por isso, é fundamental que os pais acompanhem de perto o conteúdo consumido pelos filhos para garantir que eles vejam coisas adequadas às suas idades.

Fonte: Olhar Digital

 
Deixe um comentário

Publicado por em março 28, 2019 em Noticias

 

Tags: , , , , , , , , , ,

‘Não é um mundo só dos homens’, diz jovem de 17 anos, 1º lugar em engenharia de computação na Poli

fernanda-editada

Fernanda Namie Takemoto Furukita, de Campinas (SP), fez mais do que superar a forte concorrência masculina: obteve a maior nota entre os candidatos do curso na Fuvest 2019.

A proporção no número de inscritos revela um ambiente predominantemente masculino. De cada 10 candidatos a uma vaga em engenharia de computação na Escola Politécnica (Poli) da Universidade de São Paulo (USP), apenas um é do sexo feminino. Apesar da disparidade, coube a uma jovem de 17 anos o posto de 1º lugar na carreira na Fuvest 2019. Para Fernanda Namie Takemoto Furukita, de Campinas (SP), o desempenho é uma forma de dar representatividade às mulheres na área.

“Eu me senti muito feliz. Acho que falta ainda mais mulheres no mundo de exatas, e existe, sim, um pouco de machismo. Só que esse não é um mundo só dos homens, nós somos capazes”, avisa.

Além de ser a primeira colocada no curso que escolheu seguir, Fernanda ainda acumula outro resultado expressivo: com a nota do Enem, passou em medicina na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) pelo Sisu.

A jovem conta que tentou a vaga para agradar a mãe, nutricionista de formação e que sonhava com a carreira de médica. Só que o coração já estava definido por engenharia de computação, a mesma profissão do pai.

Mas se engana quem pensa que o pai, formado pelo Instituto de Tecnológico de Aeronáutica (ITA), um dos centros de formação em engenharia mais conceituados do país, forçou a barra para a carreira.

“Defini o que iria fazer com a ajuda da psicóloga da escola, durante orientação profissional. É engenharia mesmo. Já até fui visitar a Poli e estou definindo o local onde morar em São Paulo”, conta.

‘Relax’
Fernanda estuda em um colégio privado de Campinas e optou por um 3º ano do ensino médio “turbinado”, com aulas junto com a turma do cursinho, maior carga horária e simulados aos finais de semana. O esforço deu frutos, mas a jovem conta que um hobby da infância ajudou a manter a cabeça tranquila e relaxada para as provas.

“Toda vez que estava cansada, sentia que a mente estava sobrecarregada, ia tocar piano. É como se desse um tempo para meu cérebro. Gosto de tocar músicas rápidas, e foco nisso, desligando do que estava fazendo antes”, explica.

Fonte: g1.globo.com

 
Deixe um comentário

Publicado por em fevereiro 28, 2019 em Noticias

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Coffee Meets Bagel confirma Hack no Dia dos Namorados

Hacking_and_identity_theft_concept_welcomia_Getty_Images_large

Bem na hora do Dia dos Namorados, o aplicativo de namoro Coffee Meets Bagel hoje alertou os titulares de contas sobre uma violação de dados, afirmando que um usuário não autorizado pode ter acessado suas informações.

Este incidente foi descoberto como parte de um conjunto maior de dados de usuários à venda por menos de US $ 22.000 em relatórios Bitcoin on the Dark, The Register. No total, o despejo de dados inclui 617 milhões de detalhes de contas roubados de 16 sites invadidos, incluindo Dubsmash (162 milhões), MyFitnessPal (151 milhões), MyHeritage (92 milhões), ShareThis (41 milhões), HauteLook (28 milhões) e Animoto. (25 milhões).

O relatório da Register alega que 6,17 milhões de contas do Coffee Meets Bagel (673 MB de dados) foram tomadas entre o final de 2017 e meados de 2018. Cada registro de conta supostamente contém um nome completo, endereço de e-mail, idade, data de registro e sexo. No entanto, em sua divulgação do incidente, Coffee Meets Bagel relata dados afetados é limitado a nomes e endereços de e-mail antes de maio de 2018. O aplicativo enfatiza que não armazena informações financeiras ou senhas.

Coffee Meets Bagel soube do incidente em 11 de fevereiro de 2019 e desde então tem contratado especialistas em segurança forense para revisar seus sistemas e infra-estrutura, de acordo com um e-mail para os usuários. Começou a auditar sistemas externos e de fornecedores e continuará monitorando atividades suspeitas.

Este não é o único incidente de segurança que afeta as plataformas de namoro neste Dia dos Namorados. Um relatório separado do TechCrunch detalhou vários incidentes de controle de contas que afetam os usuários do OkCupid.

Fonte: darkreading.com

 
Deixe um comentário

Publicado por em fevereiro 19, 2019 em Noticias

 

Tags: , , , , , , ,

Erro de estagiário causa US$ 10 milhões de prejuízo ao Google

POST_MATÉRIA

A figura do estagiário é comumente usada como bode expiatório de qualquer erro que acontece na internet, mas dessa vez o Google realmente ficou em maus lençóis graças a um engano de um de seus trainees, acumulando um prejuízo estimado em US$ 10 milhões.
O que acontece é que no dia 4 de dezembro, o estagiário, que não foi identificado, passava por um treinamento e deu alguns passos além do que deveria. Ele acabou realizando um pedido real dentro do sistema de publicidade da empresa, o que não deveria ter acontecido.
Por causa dessa solicitação, sites nos Estados Unidos e na Austrália começaram a exibir um retângulo amarelo em suas páginas no lugar dos banners de publicidade convencionais. Isso se devia ao fato de que a ordem emitida pelo estagiário pagava US$ 25 por CPM (ordens similares normalmente valem US$ 2 e US$ 4), o que fez com que rapidamente o banner amarelo se espalhasse.
O bloco amarelo foi exibido durante 45 minutos em vários sites para pessoas que estavam nos Estados Unidos e na Austrália. Quando o problema foi percebido, o Google tirou o anúncio do ar imediatamente.
O estrago pode ter sido grande, no entanto, porque agora a empresa precisa pagar pela exibição deste bloco amarelo aos sites que o exibiram. A estimativa do Financial Times indica que o prejuízo pode chegar a US$ 10 milhões. O Google diz que vai honrar os pagamentos às páginas, mesmo que a exibição tenha acontecido por engano.
O Google também confirmou que implementou novos sistemas de controle para garantir que isso não se repita no futuro.

Curtam nossas páginas

Acessar-o-link-agora

Curta e Compartilhe

CONTATO DIRETO: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
►Para DÚVIDAS, MANUTENÇÃO, SUPORTE ou COMPRA DE PCs temos as CONSULTORIAS onde você terá suporte do próprio dono do canal pessoalmente te ajudando com tudo!
Entre em contato pelo e-mail: comercial@gerati.com.br
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬► Site : http://www.gerati.com.br
► Facebook : https://www.facebook.com/gerati.loja/
► Facebook : https://www.facebook.com/geratisolucoesti
► Blog: https://gerati.wordpress.com/
► Twitter: https://twitter.com/Gerati_Games
► Video: https://www.youtube.com/user/geratisolucoesti

 
Deixe um comentário

Publicado por em dezembro 10, 2018 em Windows XP